Parceria

17 de janeiro de 2013

O Hobbit - Uma Jornada Inesperada (2012)

Peter Jackson nos traz de volta à Terra Média e só nos resta agradecer pela ótima viagem. 

Minha principal preocupação com a adaptação de O Hobbit para o cinema é justamente o oposto da minha preocupação com a do Senhor dos Anéis. Enquanto a primeira adaptação cinematográfica da obra de Tolkien tinha o desafio de condensar muita história em três filmes, O Hobbit tem que preencher três filmes com a história de apenas um livro. Enquanto se percebe claramente que a história foi "esticada" em Uma Jornada Inesperada, a genialidade de Jackson apenas faz com que o espectador note isso como um cuidado a mais num relato que não deixa nenhum detalhe passar em branco. 

A cena de abertura não perde em nada quando comparada com a abertura épica de A Sociedade do Anel. O filme tem um visual um pouco mais lúdico do que os filmes anteriores e isso representa um grande respeito ao espírito original da história, notoriamente direcionada a um pública mais jovem do que o Senhor dos Anéis

A trama se passa 60 anos antes da história de A Sociedade do Anel e conta a jornada da companhia de anões comandada por Thorin Escudo de Carvalho e sua missão de recuperar o reino anão de Erebor que foi destruído e teve todos os seus tesouros roubados pelo dragão Smaug. Aconselhado pelo mago Gandalf, Thorin resolve solicitar a ajuda do até então pacato hobbit Bilbo Bolseiro. 

O filme é repleto de pequenos momentos que se relacionam profundamente com a trama de o Senhor dos Anéis, mas consegue ter valor próprio. Jackson demonstra mais uma vez que não sofre da síndrome de George Lucas e consegue igualar grandes espetáculos visuais com interpretações sólidas de seus atores. Aqui ele é especialmente feliz pois as melhores interpretações são as dos três atores mais importantes para a trama. Martin Freeman como Bilbo, Ian McKellen como Gandalf e Richard Armitage que interpreta Thorin entregam as melhores interpretações do longa metragem que tem 2 horas e 46 minutos.
McKellen é especialmente feliz no resultado pois consegue sutilmente mostrar um Gandalf ainda inalterado pelos eventos do Senhor dos Anéis, se mostrando um pouco menos sábio e mais inseguro e sugerindo novas nuances para um personagem que já parece um membro da família para os fãs da trilogia original.

A trilha sonora é um espetáculo à parte. Howard Shore dá um show do início ao fim. O tema dos anões é facilmente identificável, simples e bonito e todos os temas novos são próximos o suficiente dos temais originais para que sejam imediatamente reconhecidos como a trilha da Terra Média.
Hobbit é declaradamente uma aventura e cumpre sua função como filme de uma trilogia assinada por Jackson: deixar o espectador esperando por mais.



16 de janeiro de 2013

Mostras sobre QUENTIN TARANTINO invadem SP!

Muito ou pouco conhecedor de cinema, você com certeza já deve ter ouvido falar do cineasta Quentin Tarantino... Se não, dificilmente chegou até aqui sem assistir a pérolas de sua videografia como "Kill Bill", "Pulp Fiction" ou "Bastardos Inglórios". O cara é um dos maiores nomes da história do cinema na atualidade e, fato disso, é que o visionário diretor ganhará duas mostras na capital paulista.
A primeira se chama "Mondo Tarantino" e apresentará todos os filmes de Tarantino (com exceção do lançamento "Django Livre"). O festival irá de 20 de Fevereiro a 17 de Março no CCBB e de 25 de Fevereiro a 15 de Março no Cinusp. Além da exibição dos clássicos, o espectador poderá também assistir a filmes que o diretor colaborou (por exemplo "Sin City" e "Planeta Terror") e outros que colaboraram para a formação cinematográfica/criativa de Quentin Tarantino ("Taxi Driver" de Scorcese e "O Grande Golpe" de Kubrick). De quebra, a mostra exibirá também episódios de seriados dirigidos pelo cineasta (alguém aí lembra do George enterrado vivo em "CSI"? Genial).
Se não bastasse uma iniciativa tão legal dessas, saiba que pode melhorar: os ingressos saem por R$ 4,00 (entrada inteira) e R$ 2,00 (meia-entrada). Sou fã do cara, já vi todos os filmes (tenho a maioria, aliás) mas assisti-los numa tela de cinema são 'outros quinhentos'... Eu vou. E você?


15 de janeiro de 2013

Globo de Ouro 2013 - Vencedores (EXPANDIDO)

Dia 13 de janeiro foi ao ar o 70th Golden Globe Awards. A premiação, que é realizada anualmente pela Associação de Imprensa Estrangeira em Hollywood, elege o melhor das produções audiovisuais americanas para TV e Cinema. O evento acaba funcionando para o mundo principalmente como um "termômetro" para o Oscar. Assim, dê atenção a estes vencedores, pois é provável que eles recebam mais estatuetas em breve. Na dúvida do que ver no Cinema, opte por estas preciosidades.

Melhor filme dramático:
Argo (2012)
O filme, dirigido e estrelado por Ben Affleck é uma dramatização de uma operação secreta que envolveu, em 1979, a CIA e Hollywwod para extraditar diplomatas americanos em meio à revolução no Iran através de uma fajuta produção cinematográfica.


Melhor ator em filme dramático:
Daniel Day-Lewis por Lincoln (2012)
Dirigido por ninguém menos que Steven Spielberg, Daniel Day-Lewis (irreconhecível nesta obra) é a grande força à frente desta cinebiografia de Abraham Lincoln, uma das figuras mais importantes da história dos Estados Unidos.


Melhor atriz em filme dramático:
Jessica Chastain por A Hora Mais Escura (Zero Dark Thirty, 2012)
Depois de papéis de destaque em 2011 com os filmes Árvore da Vida e Histórias Cruzadas, Jessica Chastain finalmente teve seu talento reconhecido. Neste longa ela é Maya, uma agente da CIA que encabeça a caçada a Bin Laden durante 10 anos, desde os atentados de 11 de setembro de 2001 à sua morte.


Melhor filme de humor ou musical:
 (Les Os MiseráveisMisérables, 2012)
Dirigido por Tom Hooper, um dos favoritos do ano é esta adaptação musical para os cinemas da obra literária de Victor Hugo. A trama (super-hiper-ultra-resumida) acontece na França do século 19, acompanhando o drama de Jean Valjean (Hugh Jackman), um ex-condenado posto em liberdade, que vive em fuga de seu perseguidor, o inspetor Javert (Russell Crowe). O elenco, de primeiríssima qualidade, ainda traz Amanda Seyfried, Anne Hathaway, Eddie Redmayne, Sacha Baron Cohen, e Helena Bonham Carter.


Melhor ator em filme de humor ou musical:
Hugh Jackman por Os Miseráveis
Muito mais do que ter chamado a atenção de Hollywood como Wolverine, Hugh Jack é um artista compelto que atua, dança e canta. Dessa vez, ele traz toda a sua bagagem dos musicais da Brodaway. Notoriamente uma de suas melhores atuações.

Melhor diretor:
Ben Affleck por Argo (2012)
Apesar de não ter sido indicado ao Oscar como melhor diretor ou ator, Aflleck vem trabalhando arduamente para ser reconhecido como um grande diretor. Para a imprensa internacional, ele já é o melhor do ano.

Melhor longa animado:
Valente (Brave, 2012)
Fugindo do estereótipo de suas princesas submissas, à espera de serem salvas por um príncipe encantado, a Disney e Pixar avançam para a pós-modernidade quebrando seus próprios paradigmas. Esta história, que se passa em uma Escócia Medieval e de fantasia, traz a princesa Mérida que não quer se casar com um belo  príncipe e prefere entrar para a história como uma arqueira de sucesso. Confrontando os desejos de sua mãe, a princesa toma uma atitude impensada que coloca em perigo o reino e sua família. Nesta aventura, ela terá de lutar contra as forças da natureza, da magia e de uma maldição sombria para consertar seu erro. Os efeitos visuais e as técnicas de criação das texturas do filme são o ápice da computação gráfica atual.


Melhor filme em lingua estrangeira:
Amour (Áustria) 
Georges (Jean-Louis Trintignant) e Anne (Emmanuelle Riva) são um casal de aposentados professores de música com mais de 80 anos, ambos. Eles têm uma filha também musicista que vive com a família em um país estrangeiro. Certo dia, Anne sofre um derrame e fica com um lado do corpo paralisado. O casal de idosos passa por graves obstáculos, que colocarão o seu amor em teste.


Melhor roteiro:
Quentin Tarantino por Django Livre (Django Unchained, 2012)
O novo filme de Tarantino traz uma nova versão para o clássico personagem de história do velho-oeste. Desta vez, Django (Jamie Foxx) é um escravo negro liberto que, sob a tutela de um caçador de recompensas alemão (Christoph Waltz), torna-se um mercenário e parte para encontrar e libertar a sua esposa (Kerry Williams) das garras do fazendeiro Calvin Candie (Leonardo DiCaprio).


Melhor atriz coadjuvante:
Anne Hathaway por Os Miseráveis
Anne amadureceu e está cada vez mais distante daquela menina que fez Diário da Princesa e O Diabo Veste Prada. Seja drama, comédia ou ação, a moça tem se destacado muito em todos os seus paapéis. Em Os Miseráveis ela mostra que também tem um "gogó" poderoso e sabe juntar bem com sua dramaticidade.

Melhor atriz em filme de humor ou musical:
Jennifer Lawrence por O Lado Bom da Vida (Silver Linings Playbook, 2012)
Nesta obra, Jennifer interpreta Tiffany, a vizinha igualmente problemática de Pat Peoples (Bradley Cooper), um professor de colegial delirante que, ao ser liberado da prisão para ficar sob custódia de sua mãe, acredita que ficou preso apenas por alguns meses ao invés dos quatro anos que passou em uma instutuição mental. O elenco conta ainda com o peso Robert De Niro para "dramédia" de David O. Russell.


Melhor canção original:
"Skyfall" interpretado por Adele para 007 - Operação Skyfall (2012)

Uma das músicas mais ouvidas do ano, merecidamente leva o Globo de Ouro. na minha opinião a melhor música tema e abertura dos filmes de James Bond de todos os tempos.

Melhor trilha sonora original:
Mychael Danna por As Aventuras de Pi

Espcialista em trilhas para filmes, Danna se superou dessa vez em um bela trilha que ambienta As Aventuras de Pi (no link acima do Youtube está toda a trilha do filme). O longa conta a história de Pi Patel (Suraj Sharma), filho do dono de um zoológico localizado em Pondicherry, na Índia. Após anos cuidando do negócio, a família decide vender o empreendimento devido à retirada do incentivo dado pela prefeitura local. A ideia é se mudar para o Canadá, onde poderiam vender os animais para reiniciar a vida. Entretanto, o cargueiro onde todos viajam acaba naufragando devido a uma terrível tempestade. Pi consegue sobreviver em um bote salva-vidas, mas precisa dividir o pouco espaço disponível com uma zebra, um orangotango, uma hiena e um tigre de bengala chamado Richard Parker. O filme é baseado no livro homônimo de Yann Martel, que plagiou a obra Max e Os Felinos de Moacyr Scliar.

Melhor ator coadjuvante:
Christoph Waltz por Django Livre
Waltz já havia se destacado em Bastardo Inglórios, também de Tarantino e vem ganhando cada vez mais notoriedade em diversos filmes. Na época ele levou o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, será que ele repetirá a dose?

10 de janeiro de 2013

Indicados ao Oscar 2013 - Lista Completa

A Academia de Cinema dos Estados Unidos (mais especificamente Hollywood) pronunciou nesta quinta-feira, dia 10, os indicados ao Academy Awards 2013. A entrega da premiação acontecerá dia 24 de fevereiro. Confira a lista de indicados:

Filme
Indomável Sonhadora
O Lado Bom da Vida
A Hora Mais Escura
Lincoln
Os Miseráveis
As Aventuras de Pi
Amor
Django Livre
Argo


Ator
Bradley Cooperm por O Lado Bom da Vida
Daniel Day-Lewis, por Lincoln
Hugh Jackmanm, por Os Miseráveis
Joaquin Phoenix, por The Master
Denzel Washington, por Flight


Atriz
Jessica Chastain, por A Hora Mais Escura
Jennifer Lawrence, por O Lado Bom da Vida
Emmanuelle Riva, por Amor
Quvenzhané Wallis, por Indomável Sonhadora
Naomi Watts, por O Impossível


Ator coadjuvante
Alan Arkin, por Argo
Robert De Niro, por O Lado Bom da Vida
Philip Seymour Hoffman, por The Master
Tommy Lee Jones, por Lincoln
Christoph Waltz, por Django Livre


Atriz coadjuvanteAmy Adams, por The Master
Sally Field, por Lincoln
Anne Hathaway, por Os Miseráveis
Helen Hunt, por The Sessions
Jacki Weaver, por O Lado Bom da Vida


Diretor
Michael Haneke, por Amor
Ang Lee, por As Aventuras de Pi
David O. Russell, por O Lado Bom da Vida
Steven Spielberg, por Lincoln
Benh Zeitlin, por Indomável Sonhadora


Animação
Valente
Frankenweenie
ParaNorman
Piratas Pirados!
Detona Ralph


Filme estrangeiro
Amor (Áustria)
No (Chile)
War Witch (Canadá)
A Royal Affair (Dinamarca)
Kon Tiki (Noruega)


Melhor roteiro original
Amor, de Michael Haneke
Django Livre, de Quentin Tarantino
Flight, de John Gatins
Moonrise Kingdom, de Wes Anderson, Roman Coppola
A Hora Mais Escura, de Mark Boal


Melhor roteiro adaptadoArgo, de Chris Terrio
Indomável Sonhadora, de Lucy Alibar, Benh Zeitlin
As Aventuras de Pi, de David Magee
Lincoln, de Tony Kushner
O Lado Bom da Vida, de David O. Russell


Montagem
William Goldenberg e Dylan Tichenor, por A Hora Mais Escura
William Goldenberg, por Argo
Tim Squyres, por As Aventuras de Pi
Michael Kahn, por Lincoln
Jay Cassidy e Crispin Struthers, por O Lado Bom da Vida


Direção de FotografiaSeamus McGarvey, por Anna Karenina
Robert Richardson, por Django Livre
Claudio Miranda, por As Aventuras de Pi
Janusz Kaminski, por Lincoln
Roger Deakins, por 007 - Operação Skyfall


Design de Produção
Anna Karenina
O Hobbit
Os Miseráveis
Lincoln
As Aventuras de Pi


Mixagem de Som
Argo
Os Miseráveis
As Aventuras de Pi
007 - Operação Skyfall
Lincoln


Edição de Som
Argo
Django Livre
As Aventuras de Pi
007 - Operação Skyfall
A Hora Mais Escura


Figurino
Lincoln
Anna Karenina
Os Miseráveis
Espelho, Espelho Meu
Branca de Neve e o Caçador


Trilha Sonora
Alexandre Desplat, por Argo
Dário Marianelli, por Anna Karenina
Mychael Danna, por As Aventuras de Pi
John Williams, por Lincoln
Thomas Newman, por 007 - Operação Skyfall


Canção
Before My Time, J. Ralph, por Chasing Ice
Skyfall, Adele, por 007 - Operação Skyfall
Suddenly, Claude-Michel Schönberg, por Os Miseráveis
Pi's Lullaby, Mychael Danna, por As Aventuras de Pi
Everybody Needs A Best Friend, Seth MacFarlane, por Ted


Documentário - Longa
5 Broken Cameras
The Gatekeepers
How to Survive a Plague
Searching for Sugar Man
The Invisible War


Documentário - Curta
Inocente
Kings Point
Mondays at Racine
Open Heart
Redemption


Efeitos Visuais
As Aventuras de Pi
O Hobbit
Os Vingadores
Prometheus
Branca de Neve e o Caçador


MaquiagemOs Miseráveis
O Hobbit
Hitchcock


Curta de AnimaçãoAdam and Dog
Fresh Guacamole
Head Over Heels
Maggie Simpson in "The Longest Daycare"
Paperman


Curta Live-Action
Asad
Buzkashi Boys
Curfew
Death of a Shadow
Henry


Façam suas apostas!

9 de janeiro de 2013

Framboesa de Ouro 2013 - Indicados

Está chegando a época de saber quais foram os piores filmes de 2012. Veja a lista de indicados abaixo. Amanhecer: Parte 2 da Saga Crepúsculo lidera o número de indicações...e é ruim mesmo.
Pior Filme
Battleship: A Batalha dos Mares
The Oogieloves in Big Balloon Adventure
Este é o Meu Garoto
As Mil Palavras
Amanhecer: Parte 2

Pior Atriz
Katherine Heigl - Como Agarrar meu Ex-Namorado
Milla Jovovich - Resident Evil 5: Retribuição
Tyler Perry - Madea's Witness Protection
Kristen Stewart - Branca de Neve e o Caçador & Amanhecer: Parte 2
Barbra Streisand - Guilt Trip

Pior Ator
Nicolas Cage - Motoqueiro Fantasma: Espírito de Vingança e O Pacto
Eddie Murphy - As Mil Palavras
Robert Pattinson - Amanhecer - Parte 2
Tyler Perry - A Sombra do Inimigo e Good Deeds
Adam Sandler - Este é o Meu Garoto

Pior Atriz Coadjuvante
Jessica Biel - Playing For Keeps / O Vingador do Futuro
Brooklyn Decker - Battleship: A Batalha dos Mares e O Que Esperar Quando Você Está Esperando
Ashley Greene - Amanhecer: Parte 2
Jennifer Lopez - O Que Esperar Quando Você Está Esperando
Rihanna - 
Battleship: A Batalha dos Mares

Pior Ator Coadjuvante
David Hasselhoff - Piranha 3DD
Taylor Lautner - Amanhecer: Parte 2
Liam Neeson - 
Battleship: A Batalha dos Mares e Fúria de Titãs 2
Nick Swardson - Este é o Meu Garoto
Vanilla Ice - Este é o Meu Garoto

Pior Dupla
Qualquer dupla de Jersey Shore em Os Três Patetas
Mackenzie Foy e Taylor Lautner em Amanhecer: Parte 2
Robert Pattinson e Kristen Stewart em Amanhecer: Parte 2
Tyler Perry e seu disfarce em Madea's Witness Protection
Adam Sandler e Andy Samberg, Leighton Meester ou Susan Sarandon em Este é o Meu Garoto

Pior diretor
Sean Anders - Este é o Meu Garoto
Peter Berg - Battleship: A Batalha dos Mares
Bill Condon - Amanhecer: Parte 2
Tyler Perry - Good Deeds e Madea's Witness Protection
John Putch - Atlas Shrugged: Part II


Pior Elenco
Battleship: A Batalha dos Mares
The Oogieloves in Big Balloon Adventure
Este é o Meu Garoto
Amanhecer: Parte 2
Madea's Witness Protection


Pior Roteiro
Atlas Shrugged: Part II
Battleship: A Batalha dos Mares
Este é o Meu Garoto
As Mil Palavras
Amanhecer: Parte 2


Pior Remake, Cópia ou Sequência
Motoqueiro Fantasma: Espírito de Vingança
Piranha 3-DD
Amanhecer Violento
Amanhecer: Parte 2
Madea's Witness Protection

Receba no seu e-mail - Cadastre-se!

Mais Lidos do blog