Parceria

3 de maio de 2012

Curso MARTIN SCORSESE – CINEMA, FÉ & VIOLÊNCIA

Cena Um é uma produtora cultural especializada na promoção e realização de cursos, palestras e oficinas de Cinema e Televisão. Neste próximo sábado, dia 5 de maio, será realizado um curso sobre o grandioso cineasta Martin Scorsese, em Porto Alegre, com o crítico Rodrigo Fonseca. Estamos avisando "em cima do laço", mas ainda há tempo de se inscrever. Segue abaixo a descrição do curso, enviada pela produtora. Eu estarei pessoalmente lá e em breve escreverei sobre o tema. Se você está nas redondezas de Porto Alegre e curte o cinema de Scorsese, participe!

Curso MARTIN SCORSESE – CINEMA, FÉ & VIOLÊNCIA
  • Datas: 5 e 6 de maio
  • Horário: 9h30 às 12h30
  • Local: Museu da Comunicação Hipólito José da Costa (Rua Andradas, 959 – P. Alegre)
  • Investimento: R$ 80,00 (valor promocional de R$ 70,00 para os primeiros 10 inscritos)
  • Material: Apostila + Certificado de participação
  • Informações: cenaum@cenaum.com / Fone: (51) 9101-9377


MINISTRANTE

Rodrigo Fonseca
  • Jornalista e produtor editorial. Trabalha como repórter e crítico de cinema do jornal O Globo.
  • Professor da Escola Livre de Cinema de Nova Iguaçu desde sua fundação, em 2007.
  • Escreveu os livros “Meu compadre cinema - Sonhos, saudades e sucessos de Nelson Pereira dos Santos” e “Cinco mais cinco - Os melhores filmes brasileiros em bilheteria e crítica”, em co-autoria com Carlos Diegues e Luiz Carlos Merten. É editor do blog Cinema Curto, sobre cinema e publicidade.

O cineasta Martin Scorsese é apontado como um dos maiores realizadores do cinema norte-americano em atividade. Com uma carreira de mais de 50 anos, Scorsese construiu uma filmografia elogiada pelos críticos, respeitada pelos diretores e admirada pelo público.

Este cineasta, uma das maiores referências do cinema mundial contemporâneo, será tema do curso “MARTIN SCORSESE – CINEMA, FÉ & VIOLÊNCIA”, ministrado em Porto Alegre pelo crítico de cinema Rodrigo Fonseca.

No meio cinematográfico Martin Scorsese pode ser chamado de “artista completo”. Ele escreve, produz, dirige e ainda eventualmente também atua. Com uma carreira extensa e consistente, o cineasta foi responsável por alguns dos melhores filmes norte-americanos, desde os anos 70: Caminhos Perigosos; Taxi Driver; Touro Indomável; Os Bons Companheiros; Os Infiltrados.

Com formação típica de um cinéfilo (que assume com orgulho), Scorsese em seus anos de formação foi um espectador atento e assíduo nas salas de cinema. Conheceu o cinema europeu e sua “política de autor” num período em que os grande estúdios de Hollywood se curvava à criatividade dos diretores independentes. Admirador de outros cineastas (coisa rara entre os diretores) Martin Scorsese aprecia com paixão o que de melhor o cinema clássico teve a oferecer. Hoje ocupa o posto de gênio inspirador e referência para muitas gerações de realizadores.

CONTEÚDO PROGAMÁTICO

a) Bons companheiros andam de táxi: os gangsteres, os federais e os desvalidos na obra de Martin Scorsese.

b) As tentações de um cineasta que crê: as visões da religião em "A Última Tentação de Cristo", "Kundun“ e "Vivendo no Limite”.

c) Marty vérité: contracultura, música e história da arte cinematográfica aos olhos do diretor do documentário "Shine a Light".

* Durante as aulas serão exibidos trechos de filmes de Martin Scorsese.



Postar um comentário

Poderá gostar também:

Receba no seu e-mail - Cadastre-se!

Mais Lidos do blog