Parceria

9 de dezembro de 2010

Top 10 Sequências em que só o 1º Filme é Bom"

Caro leitor, dessa vez foi difícil. 4 pessoas colaboraram para este post, no mínimo, criativo. Comumente nos deparamos com filmes bons, interessantes, que fazem sucesso e que se bastariam. É quando chegam as desastrosas sequências, muitas sem ter nada a ver com o primeiro título. Pensando nisso, a equipe do blog, resolveu elencar os títulos de com sequência em que somente o primeiro vale a pena ser assistido. Alguns clássicos ficaram de fora, mas deixamos para os comentários de vocês para prolongar essa lista. Divirtam-se.

10 -Todo mundo em pânico (Scary Movie, 2000)

4 filmes gravados, 1 em produção. O primeiro filme desta série conta a história de Cindy (Anna Faris) e faz uma paródia (um pouco) inteligente sobre alguns filmes da mesma época, entre eles Pânico, Sexto Sentido e Titanic. A paródia é extremamente bem feita e bem pensada, fazendo o público rir do começo ao fim.

A partir do segundo filme a coisa fica mais complicada, pois piada repetida não tem graça, não é mesmo? Eles só voltaram a melhorar um pouco no terceiro filme, pois o roteiro abrange uma maior variedade de filmes, como Matrix, Senhor dos anéis e Sinais. Porém, em todas as histórias está Cindy e em todas as histórias acontecem praticamente as mesmas coisas, cansando muito para quem acompanha desde o primeiro filme. Além disso, foram filmados outros filmes do gênero, aumentando um pouco a concorrência.


9 - O Parque dos Dinossauros (Jurassic Park, 1993)

O filme conta a história de um pesquisador que descobre uma maneira de clonar dinossauros. Visando grande lucro, constrói um parque dentro de uma ilha com os bichinhos como principal atração. O problema é que um dos dois vistoriados convidados (além de um advogado, crianças e uma amiga) libera os animais na ilha e o todos tentam fugir com vida, antes que fossem pegos.

No segundo filme a história é quase a mesma, deixando muito a desejar. O grupo continua entrando numa ilha habitada por dinossauros e precisa fugir de lá. Não agrada muito, pois é praticamente a mesma história do primeiro filme em um outro cenário. O outro filme da série é ainda mais cansativo. Um novo grupo de pessoas indo a ilha para visitar os dinossauros, agora em um santuário. Infelizmente a história é fraca e o que mais agrada são os efeitos especiais, que, mesmo para época, foram bem caprichados.


8 - Lenda Urbana (Urban Legend - 1998)

O primeiro da série conta a história de Natalie, uma estudante que se vê no meio de assasinatos baseados em lendas urbanas. Muito terror, muito bem filmado e com baixo orçamento. Com um roteiro muito bom, o filme consegue realmente prender o público e nos fazer sentir muito medo.

Entretanto, as continuações foram muito fracas. Em termos de atuação, história e suspense. A pior das continuações é a terceira, em que o grupo "liberta um espírito do mal". O maior problema enfrentado nessa série é a sequência, que nesse caso não houve nenhuma.





7 - Olhos famintos (Jeepers Creepers - 2001)

Um dos poucos filmes de monstros que "podem existir". O primeiro filme perturba um pouco no começo pela qualidade de fotografia. A história do filme começa com dois irmãos (Trish e Darry) andando por uma estrada na zona rural da Califórnia quando, para tentar evitar um acidente de trânsito, acabam saindo da estrada. Após essa acidente, eles voltam para a estrada e percebem que o mesmo motorista que quase causou o acidente está jogando corpos dentro da tubulação de uma igreja abandonada. Os dois decidem investigar, acabam descobrindo corpos costurados nas paredes e tentam fugir. Só que ao invés de perseguir e pegar essa criatura, os irmãos que acabam sendo perseguidos pela criatura que jogou os corpos na tubulação.

O segundo filme tenta explicar os acontecimentos do primeiro e não consegue. Um time de basquete fica preso dentro de um ônibus, parado na estrada. O problema dessa continuação é que não é assustador, simplesmente tentaram fazer um filme para explicar o que aconteceu e, como não tiveram êxito, estão para filmar uma nova continuação. Veremos como será.


6 - Rambo - Programado para matar (First Blood - 1982)

John Rambo (Sylvester Stallone) é um veterano da guerra do Vietnã que volta aos EUA em busca paz e tranquilidade e, quando chega a uma cidadezinha é preso injustamente pelo xerife local. Ele consegue fugir e declara guerra ao xerife e à polícia local. Essa "guerra" acaba chamando a atenção do exército que veio para ajudar a prendê-lo. Rambo enfrenta a todos na cidade e [SPOILER] acaba preso no fim das contas.

As sequências são fracas, sem uma história certa e muitas vezes confusas. Rambo continua invencível, imortal e super poderoso. Fracasso é pensar que a cada sequência ele está em um cenário novo, com uma nova missão que só ele é capaz de realizar.




5 - Grande Dragão Branco (Bloodsport, 1988)

Frank Dux (Jean-Claude Van Damme) passou parte de sua vida treinando para participar de um grandioso (além de perigoso e ilegal) campeonato de artes marciais, o Kumite, onde os participantes podem morrer. 

Já O Grande Dragão Branco 2, não conta com Van Damme, nem seu personagem Frank Dux. Sem ter nada a ver com o primeiro, há um ladrão, Alex (Daniel Bernhardt) que aprende a lutar com mestre, interpretado pelo Pat Morita (do Karatê Kid). Chegou até a parte 4 com Daniel Bernhardt e agora dizem que Van Damme quer fazer a verdadeira continuação do seu primeiro filme.




4 - Em Busca do Vale Encantado (The Land Before Time, 1988)

Esta viagem mágica começa há muitos anos, quando os dinossauros ainda vagueavam num lugar ameaçado por tremores de terra e vulcões. Littlefoot sozinho, após a morte de sua mãe, procura o Vale Encantado, uma terra de vegetação luxuriante, onde os últimos dinossauros vivem em paz. Ao longo do percurso, encontra quatro novos amigos e juntos, vão viver incríveis aventuras. Encontrarão terríveis obstáculos e aprenderão lições inesquecíveis sobre a vida e o verdadeiro significado da amizade.

É uma verdadeira obra para crianças e que emociona adultos até hoje...Esse desenho nos passa várias lições de moral e mensagens bonitas...Mas 13 filmes...Haja mensagem! Pai nenhum vai precisar ficar ensinando essas coisas para crianças, só colocar os filhos para assistir os 13!


3 - Efeito borboleta (The Butterfly Effect, 2004)

Evan (Ashton Kutcher) é um jovem que luta para esquecer fatos de sua infância. Para tanto, ele decide realizar uma regressão onde volta também fisicamente ao seu corpo de criança, tendo condições de alterar seu próprio passado. Porém, ao tentar consertar seus antigos problemas, ele termina por criar novos, já que toda mudança que realiza gera consequências em seu futuro.

NÃO vejam o 2 e o 3, simples assim!







2 - Donnie Darko (2001)

Donnie (Jake Gyllenhaal) é um jovem, brilhante e excêntrico, que cursa o colegial, mas despreza a grande maioria dos seus colegas de escola. Donnie tem visões, em especial de um coelho monstruoso o qual apenas ele consegue ver, que o encoraja a realizar brincadeiras destrutivas e humilhantes com quem o cerca. Até que um dia, uma de suas visões o atrai para fora de casa e lhe diz que o mundo acabará dentro de um mês. Donnie inicialmente não acredita na profecia, mas momentos depois um avião cai bem no telhado de sua casa, quase matando-o. É quando ele começa a se perguntar qual o fundo de verdade na previsão do fim do planeta.

O segundo filme, S. Darko, continua a saga da família, mas agora a protagonista é a irmã de Donnie, Samantha. Não há muito o que pensar e entender, já que no primeiro tudo se explica, agora a magia se perde.



1 - Highlander, O Guerreiro Imortal (Highlander, 1986)

Connor MacLeod (Christopher Lambert), é um guerreiro, que nasce na Escócia do século XVI. Após ser expulso de sua aldeia, acusa de ter pacto com o demônio, só descobre sua imortalidade ao conhecer Juan Ramirez (Sean Connery), imortal como ele. Ramirez explica que eles participam de um jogo entre imortais na Terra, onde só pode restar um e a única forma de matar um imortal é cortando sua cabeça. O vencedor dos duelos ficam com todo o conhecimento e agilidade do seu oponente. Ramirez o ensina a manejar uma espada e a se defender, pois um grande inimigo, um imortal do mal, Krug (Clancy Brown) está se tornando muito forte e vê atrás deles. Connor [spoiler] obviamente vence o duelo final e ganha o prêmio máximo, o conhecimento de todas as coisas.

Eis que tiveram a idéia do Highlander 2, A Ressurreição, com um único intuito de ganhar dinheiro, queriam seguir acontecimentos do primeiro filme, que no final, já tinham sido encerrados, sem contar que foi filmado na Argentina... Não bastando, inventaram uma história para um terceiro, que foi mais fiel ao 1º. Com o sucesso da série de televisão, onde o astro é outro Escocês, Duncan MacLeod, resolvem fazer o 4º filme com os dois Macleod. Não bastando, fizeram, em 2007, Highlander A Origem, só com o Duncan para explicar de onde vieram os imortais e porque estão na Terra.

Francamente! O primeiro é muito bacana e entrou para o cenário cult, mas 5 filmes para uma história que se encerrou no primeiro é forçar DEMAIS a barra. E há sempre a ameaça de mais um...
Postar um comentário

Receba no seu e-mail - Cadastre-se!

Mais Lidos do blog